Município da Lourinhã reúne-se com comunidade ucraniana para definir formas de apoio

O Município da Lourinhã está a estudar a possibilidade de reativar um dos Centros de Acolhimento, criado durante a pandemia, no âmbito do plano de contingência municipal. Uma solução que está a ser analisada pela autarquia e que, segundo José Tomé, irá permitir acolher cerca de 30 refugiados ucranianos.

O anúncio foi feito na noite desta quinta-feira, 3 de março, num encontro com a comunidade ucraniana promovido pela autarquia e o Centro Local de Apoio à Integração de Migrantes (CLAIM) da Lourinhã. O encontro, no qual participaram meia centena de ucranianos, teve como objetivo avaliar possíveis formas de colaboração e apoio da autarquia neste conturbado período que a Ucrânia está a viver.

Com o objetivo de dar resposta às necessidades desta comunidade, o município está a preparar uma base de dados com locais de alojamento disponíveis no concelho – cedido por particulares -, que podem ser disponibilizados a título temporário aos ucranianos que cheguem ao concelho.

No encontro, o vice-presidente da autarquia disse ainda que a Comunidade Intermunicipal do Oeste está a trabalhar numa ação conjunta para responder às necessidades desta população.

A solidariedade para com o povo ucraniano chega de várias entidades e empresas locais. A Stoptrans, uma empresa de transportes de mercadorias, com sede no Moledo, vai disponibilizar um camião para levar os bens que estão a ser recolhidos no concelho até à fronteira entre a Polónia e a Ucrânia. A Santa Casa da Misericórdia da Lourinhã também se associou ao município e demonstrou estar disponível para ajudar aqueles que cheguem ao concelho, nomeadamente através de apoio médico e/ou psicológico e acolhendo crianças na instituição.

A autarquia, em conjunto com a União das Freguesias de Lourinhã e Atalaia, está a trabalhar para criar mais pontos de recolha de bens espalhados pela freguesia, que possam receber os artigos num horário alargado.

Durante este encontro, a autarquia e o CLAIM manifestaram a sua total disponibilidade em ajudar, nomeadamente na elaboração de termos responsabilidade/carta convite. Este apoio deve ser solicitado através dos contactos telefónicos 261 410 186 | 912 576 506 ou do e-mail [email protected] O município disponibiliza também no site autárquico um conjunto de informações relevantes, traduzidas em português e em ucraniano.